O que é um Cientista de Dados?

Afinal, o que é , o que faz, com o que trabalha e o que precisa saber para entrar nessa área que vem em constante crescimento e que não tende a diminuir nos próximos anos? Vamos entender um pouco todo esse universo que fez ser eleita como a profissão mais sexy do século 21.


Esse breve e introdutório artigo, pretende ajudar a você entender de forma macro a Ciência de Dados e o Cientista de Dados. Se fizermos uma rápida pesquisa, encontraremos diversas definições distintas sobre o que é Data Science e o que faz um Cientista de Dados, como:

  • Cientista de dados é o profissional que entende mais de Engenharia de Software que um estatístico e entende mais de Estatística que um engenheiro de Software;
  • Ciência de Dados é a “gourmetização” do Data Mining;
  • É claramente a mistura da arte de hackear, estatística e machine learning.

Esses são alguns exemplos de definições que podem parecer distintas, mas todas estão corretas e interligadas! A imagem a seguir exemplifica de forma bastante didática o que é a arte da Ciência de Dados:

Áreas que compõem a Ciência e dados.
Fonte: AB2L

Em síntese, a Ciência de Dados é uma área multidisciplinar que envolve o processo de criação de ‘Data products’ baseado na transformação de dados brutos em insights de negócios a partir da descoberta de conhecimentos/padrões/comportamentos desconhecidos.

É a união (um lindo matrimônio, na verdade) entre as áreas de Negócios; Engenharia de Dados; Análise de Dados; Estatística; Machine Learning e Inteligência Artificial. Compondo a estrutura central e essencial para o avanço da Indústria 4.0.

Sei que você pode ter se assustado com a quantidade de conhecimento envolvido e deve achar que nunca estará preparado para ser um cientista de dados ou ainda ter medo de sofrer da síndrome do impostor. CALMA! Você, provavelmente, não conseguirá (e nem precisará) de todos esses requisitos exigidos em vagas de empregos e ainda assim ser um grande cientista de dados. Entretanto, existem algumas condições que formam o alicerce para construir uma carreira de sucesso.

HARD SKILLS E SOFT SKILLS

HARD SKILLS

O conceito de Hard Skill é a habilidade e conhecimento técnico profissional que podem ser mensurados de alguma maneira. Trazendo para nosso domínio, apresento alguns hard skills necessários para um cientista de dados:

  • Linguagem de Programação;
  • Infraestrutura de dados (Bancos de dados Relacionais e NoSQL);
  • Visualização de Dados;
  • Entendimento do negócio/processos;
  • Conhecimento em Matemática e Estatística;
  • Conhecimento em Machine Learning

SOFT SKILLS

Soft Skills são habilidades mais subjetivas, que estão intimamente ligadas a personalidade, ao relacionamento interpessoal. Algumas Soft Skills importantes para um Cientista de Dados são:

  • Trabalhar em equipe;
  • Saber ouvir;
  • Aprendizado contínuo;
  • Espírito de liderança;
  • Facilidade de comunicação;
  • Multidisciplinaridade

Espero poder ter ajudado a você entender, mesmo que de maneira superficial, sobre o que é Data Science e qual perfil de um Cientista de Dados. Te convido a caminhar comigo aqui na ABRACD para juntos exploramos o mundo da Ciência de Dados e conversamos sobre vários assuntos como Big Data; Algoritmos de Machine Learning; Recuperação da Informação em Redes Sociais; Text Mining; Ferramentas de Auto ML; Data Storytelling; Arquitetura de Software, entre diversos outros assuntos!

Entre em contato comigo: LinkedInInstagram


In God we trust; all others must bring data

William Edwards Deming


Avatar

Lucas Ximenes

Um nordestino apaixonado por Dados!

6 comentários em “O que é um Cientista de Dados?

  • Avatar
    janeiro 24, 2020 em 11:24 pm
    Permalink

    Sendo eleita a profissão mais sexy do mundo, a função de cientista de dados seria apenas um emprego da moda? Caso não, quais seriam os principais motivos pelos os quais o data science pode ser considerada a carreira do futuro?

    Resposta
    • Avatar
      janeiro 25, 2020 em 3:01 am
      Permalink

      Ótima pergunta Melqui! De fato a profissão está na moda e muitos se sentem atraídos devido ao momento. Todavia, chegamos no estado perfeito para a Ciência de Dados, que é a existência de um volume de dados gigantesco sendo gerado a todo instante e poder computacional capaz de tratar essas informações em tempo hábil.

      Podemos considerar como carreira promissora devido a capacidade de transformar conhecimento tácito em conhecimento explícito; capacidade de predição e prescrição, potencializando o crescimento ou salvando a vida de muitas organizações.

      Temos exemplos práticos de empresas guiadas por dados que se transformaram em unicórnio em um período bastante curto! E isso está ligado totalmente a Ciência de Dados, partindo da tomada de decisões da mais alta gestão à criação do produto, campanhas de marketing, estratégia de vendas, etc.

      Resposta
  • Avatar
    janeiro 25, 2020 em 2:32 am
    Permalink

    Conteúdo esclarecedor. Parabéns Lucas!!!

    Resposta
    • Avatar
      janeiro 25, 2020 em 3:02 am
      Permalink

      Obrigado Júlia! 😀

      Resposta
  • Avatar
    janeiro 28, 2020 em 12:53 pm
    Permalink

    Parabéns Lucas, texto bem atualizado sobre esse tema.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pin It on Pinterest