Notícias Corporativas

Como o Product Manager deve superar os desafios no sistema work from home?

DINO
Escrito por DINO
Como o Product Manager deve superar os desafios no sistema work from home?
Junte-se a mais de 3.000 pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos sobre Data Science

A profissão de Product Manager está crescendo a passos largos no país, e junto com esse crescimento também aumentam os desafios. Para isso, os profissionais precisam escolher muito bem a metodologia empregada para manter a equipe mais alinhada, bem como definir objetivos e métricas com clareza.

Vinicius Miranda, Product Manager da Meetz com mais de dez anos de experiência no mercado, ressalta que os profissionais precisam se qualificar cada vez mais para atender os anseios de uma sociedade que muda constantemente.

Para isso, ele destacou quatro tópicos que os profissionais da área precisam ter uma atenção especial para gerir um produto de maneira eficaz nesse novo cenário. Ele esclarece que a Gestão dos Stakeholders, a construção dos produtos, a separação dos objetivos de longo e curto prazo, bem como a definição de métricas são essenciais.

Gestão dos Stakeholders

De acordo com o relatório “Panorama do mercado de Product Management 2021-22” que ouviu mais de 1 mil profissionais da área, 41,3% dos participantes disseram que a maior dificuldade da profissão é a gestão dos Stakeholders.

“Lidar com pessoas é uma tarefa difícil, por isso o Product Manager precisa desenvolver algumas habilidades soft skills como foco na estratégia, comunicação e senso analítico, para ter mais controle dos seus encarregados”, destaca Miranda.

Ele ainda esclarece que o profissional precisa criar mecanismos para deixar a comunicação clara e transparente, para que todos entendam onde precisam chegar. Sem uma comunicação objetiva, o time tende a se dispersar mais.

Construção do produto de forma clara

Segundo Miranda, a clareza na construção do produto também é essencial para o profissional conduzir o seu time da melhor forma possível. “Você precisa saber qual é o propósito real do seu produto, entender como ele vai impactar a vida do usuário e como ele pode evoluir ao longo do tempo”, salienta.

Miranda diz que para isso é necessário passar por algumas etapas como listar os objetivos estratégicos, entender as reais necessidades dos clientes, e desenhar a primeira versão da visão da empresa.

Separar objetivos de longo e curto prazo

Outro ponto levantado por Miranda é sobre os objetivos de longo e curto prazo. Ele esclarece que a rotina do Product Management fica dividida entre essas duas frentes. “O profissional deve saber dividir os objetivos de curto e longo prazo para que eles andem em paralelo. Isso deve ser parte do próprio planejamento, e é aí que muitas organizações pecam”, diz.

Se os objetivos não são bem determinados, o resultado é que o time não sabe exatamente o que fazer e para onde ir. Por isso cabe ao Product Management apontar esta direção. Ele deve ter a função do maestro em uma banda.

A importância de se definir métricas

Por fim, e não menos importante, Miranda diz que o bom profissional tem que criar o maior número possível de métricas para analisar os dados constantemente. “Estamos vivendo a Era do Big Data, onde todas as decisões são tomadas com base em números, então não há mais espaço de se deixar levar por achismos. Por isso, não há outro caminho a não ser criar muitas métricas”, finaliza.

Miranda ainda enaltece que a definição de métricas precisa ser clara e focar no que realmente será capaz de gerar valor para o seu negócio. Isso quer dizer que elas precisam ser pensadas sempre com foco no objetivo que você quer alcançar, caso contrário, não trarão nenhum indicador relevante para o projeto.

Licença de uso do conteúdo.

O conteúdo do Portal ABRACD.org foi escrito sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.