Notícias Corporativas

Prótese dentária: procedimento é opção para profissionais de odontologia

DINO
Escrito por DINO
Prótese dentária: procedimento é opção para profissionais de odontologia
Junte-se a mais de 3.000 pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos sobre Data Science

Dados do CFO (Conselho Federal de Odontologia) revelam que o Brasil possui 379.749 cirurgiões-dentistas, 65.471 clínicas prestadoras de assistência odontológica e 3.060 laboratórios de prótese dentária, o que coloca o país entre as nações com um dos maiores mercados de odontologia do mundo.

Segundo o especialista Prof. Dr. João Moretti Junior, não se trata apenas de quantidade, mas de qualidade: “Diversas pesquisas apontam que o Brasil possui os dentistas mais qualificados, que utilizam as melhores e mais modernas técnicas e que, por isso, incentivam a fixação das melhores multinacionais da indústria odontológica no país.”

“Esse fato pode ser explicado tendo em vista que o modelo de ensino e a formação do cirurgião dentista brasileiro visa formação específica em odontologia”, afirma Moretti Junior. “Nossa sociedade se importa com a estética e saúde bucal e o mercado possui potencial para atuação com trabalhos reabilitadores. Os dentistas brasileiros atuam de forma eficiente, devolvendo a saúde e a estética”, complementa.

Próteses dentárias: procedimento ganha destaque

O especialista em implantodontia explica que, cada dia mais, as reabilitações com próteses dentárias ganham a aderência dos brasileiros como uma alternativa para as pessoas que perderam ou estão em vias de perder os dentes. “Tratamentos modernos, tecnológicos e previsíveis proporcionam a devolução da dentição, desde jovens até idosos”.

Moretti Junior afirma que as inovações tecnológicas tiveram um impacto no procedimento de prótese dentária nos últimos anos. “Com o uso da tecnologia, o dentista consegue avaliar mais profundamente o estado geral da saúde do paciente, analisando e planejando de forma mais criteriosa as intervenções”, afirma, pontuando que diversas novidades chegaram para os profissionais nos últimos anos, fazendo com que a área da odontologia registrasse enorme avanços para facilitar o trabalho dos dentistas e os tratamentos dos pacientes.

Dentre as inovações mais recentes, prossegue, é possível encontrar as impressões 3D, a anestesia eletrônica e a cirurgia guiada. O resultado é um tratamento mais preciso e uma cirurgia mais rápida e com um tempo menor de recuperação. 

Na análise do especialista e mestre em reabilitação oral, a realização de eventos, cursos, palestras e seminários pode ajudar a melhorar o procedimento de próteses dentárias. “O estudo proporciona uma evolução constante. Os congressos de odontologia reúnem oportunidades para fazer negócios, networking, aprender novas técnicas clínicas, descobrir tendências na área e conferir lançamentos das marcas. Não por acaso, o Brasil se tornou referência em sediar grandes congressos na área”.

Odontologia no Brasil

Moretti Junior, que em julho lançou o livro “Materiais e técnicas de moldagem no dia a dia clínico” e agora prepara o lançamento de um curso on-line de PSI (Prótese sobre Implante), destaca que o mercado de trabalho para profissionais de odontologia está em ascensão. 

“São muitos os caminhos que o profissional pode seguir: atuar no serviço público (nas esferas municipal, estadual e federal) e privado, consultórios particulares, hospitais”, descreve. “Além disso, é possível seguir carreira acadêmica em instituições de ensino públicas e particulares, atuar como consultor em grandes empresas, ingressar nas forças armadas e residências multiprofissionais. Enfim, uma gama de opções”, acrescenta.

Para o professor, mesmo com o número de dentistas que se formam todos os anos no Brasil, a odontologia segue com grande empregabilidade. O serviço público, sobretudo as prefeituras municipais, realizam anualmente concursos para preenchimento de vagas, sendo essa a principal porta de entrada dos cirurgiões-dentistas no mercado de trabalho.

“Além disso, as residências multiprofissionais pagam uma bolsa durante todo o período de curso, que duram dois anos em média. A odontologia segue sendo uma das carreiras da área da saúde mais promissoras a se seguir”, diz ele. “Cada vez menos, os pacientes procuram o profissional cirurgião-dentista apenas na presença de quadros agudos de dor”.

Diante disso, avança, a odontologia estética segue em alta e novas especialidades surgem no decorrer dos tempos. “Cada vez mais, os pacientes procuram por dentes fixos através de implantes, portanto, saber reabilitar utilizando implantes e próteses sobre implante é um diferencial na profissão”.

Para mais informações, basta acessar: https://cursoprotesesobreimplante.com.br/

Licença de uso do conteúdo.

O conteúdo do Portal ABRACD.org foi escrito sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.