Notícias Corporativas

Tecnologia de maquininhas de cartões chega ao mercado de celulares

DINO
Escrito por DINO
Tecnologia de maquininhas de cartões chega ao mercado de celulares
Junte-se a mais de 3.000 pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos sobre Data Science

Os cartões são o meio de pagamento mais utilizado pelos brasileiros, de acordo com dados da Abecs (Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços), apesar do avanço de tecnologias como o Pix, que, segundo o BC (Banco Central do Brasil), já conta com mais de 478 milhões de chaves cadastradas no país – duas vezes mais que os 214,9 milhões de brasileiros, segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

Tudo começou com a chegada do primeiro cartão ao Brasil, da bandeira Diners Club, na década de 1950. Desde então, o mercado das chamadas “maquininhas de cartão” têm inovado e já conta com mais de 20 empresas e 11 milhões de terminais de pagamento, segundo a Abecs. 

Em 2021, as compras realizadas por meio do sistema de cartões cresceram 33,1%, movimentando R$ 2,6 trilhões. Até o final deste ano, a entidade espera que os cartões de crédito, débito e pré-pagos devem responder por até 60% dos pagamentos de despesas de consumo das famílias do país. 

Rodrigo de Oliveira Mendes, parceiro oficial da Ton, empresa responsável pela tecnologia TapTon, explica que o próximo passo do mercado é a evolução da maquininha de cartão para celular. Esta tecnologia de venda por aproximação permite pagamentos direto pelo celular.

“O recurso pode atender aos imprevistos do dia a dia, como uma necessidade de troca de máquina, ou situações em que a bateria ou o equipamento estão longe. Nesses casos, dá para contar com o reforço da ‘maquininha no celular’ para não perder vendas”, afirma.

Com a funcionalidade, prossegue, o negócio pode fazer vendas de crédito e débito por aproximação através do celular na hora, sem valor de adesão e com as mesmas taxas que os clientes já utilizam na maquininha da marca.

De acordo com os dados mais recentes do IBGE, há 242 milhões de celulares inteligentes em uso no país, que tem pouco mais de 214 milhões de habitantes.

Para mais informações, basta acessar: https://maquinaton.maquininhasdecartoes.com.br/

Licença de uso do conteúdo.

O conteúdo do Portal ABRACD.org foi escrito sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.