Notícias Corporativas

Programa Jovem Aprendiz incentiva conciliar estudo e emprego

DINO
Escrito por DINO
Programa Jovem Aprendiz incentiva conciliar estudo e emprego
Junte-se a mais de 3.000 pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos sobre Data Science

De modo geral, é comum que as empresas busquem por profissionais com experiência, no entanto, como ter prática e vivência na área sem a oportunidade de primeiro emprego? Como uma forma de possibilitar a entrada de jovens no mercado de trabalho, as companhias oferecem o Programa Jovem Aprendiz, que tem como objetivo a inclusão aliada ao acesso à educação de forma segura, prevenindo o trabalho infantil e construindo uma cultural corporativa responsável.

A Tecnisys, empresa brasiliense de Tecnologia da Informação, coleciona histórias de como abrir oportunidades. Há mais de 10 anos, ela recebe os aprendizes e os encaminha a uma nova rotina, voltada a promover o conhecimento. Juliana Almeida, Analista de Recursos Humanos da Tecnisys, aponta que o programa tem um papel social muito importante e que deve ser valorizado. “Pois oferece oportunidade para o jovem, promovendo responsabilidade, abrindo espaço para inovação e iniciando o primeiro passo para que ele se capacite para melhorar suas habilidades”, afirma.

“Recebemos jovens de 14 a 24 anos para atuar nas áreas fins e meios. É uma oportunidade real de ingressar no mercado de trabalho por meio do programa”, explica Juliana. Atualmente, a Tecnisys possui parceria com uma empresa que os auxilia na busca pelos novos aprendizes. Eles precisam estar matriculados ou já ter concluído o Ensino Médio. E, além da bolsa, têm direito aos benefícios oferecidos pela Tecnisys.

Crescimento profissional

Recentemente, a Tecnisys recebeu cinco novos jovens que estão atuando em diversas áreas da empresa. Guilherme Áquila Freitas da Silva, de 16 anos, é um dos jovens que foi contratado recentemente pela Tecnisys. “Acredito que essa experiência trará muitos benefícios para o meu futuro, além de muito aprendizado no ramo da tecnologia e inovação”, afirma. Victor Hugo Siqueira, de 17 anos, concorda com o colega. “Essa é uma área que eu me identifico bastante, então pretendo adquirir o máximo de conhecimento, para investir no meu amanhã e assim poder atuar no mercado de TI daqui a alguns anos”.

Assim como Guilherme e Victor, Nicole Alves Valverde e Davi de Souza, também acreditam que essa experiência irá contribuir para o crescimento profissional de cada um. “Será uma etapa com várias novidades e aprendizados com alguns especialistas do setor”, comenta Davi, de 16 anos. “É, sem dúvidas, uma ótima oportunidade para iniciar e crescer dentro dessa carreira”, completa Nicole, também de 16 anos.

Profissão do Futuro

Daniel Vinícius Alecrim, de 23 anos, aponta que o mercado de TI é o que mais cresce em todo o mundo. “E tenho certeza de que essa experiência vai ser muito importante, pois é a área que eu quero continuar trabalhando, justamente por ela estar em constante evolução e por ser extremamente útil para a sociedade”, afirma. “Durante esse período, pretendo aprender a dominar a linguagem Python, a plataforma PostgreSQL e tudo que for útil para contribuir no meu crescimento”.

Licença de uso do conteúdo.

O conteúdo do Portal ABRACD.org foi escrito sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.