Notícias Corporativas

Falta de energia pode causar impactos no faturamento das empresas

DINO
Escrito por DINO
Falta de energia pode causar impactos no faturamento das empresas
Junte-se a mais de 3.000 pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos sobre Data Science

A energia elétrica é um dos elementos mais importantes nos dias atuais, e mesmo uma breve queda de energia pode causar enormes perdas produtivas, de materiais e receitas para as empresas. O grau de impacto que uma interrupção é capaz de causar poderá variar de acordo com a atividade e o segmento do negócio, podendo até mesmo colocar a vida de pessoas em risco, no caso de instalações médicas.

Somente em 2021, os consumidores brasileiros ficaram quase 12 horas sem energia e enfrentaram cerca de seis interrupções ao longo do ano, segundo a Aneel – Agência Nacional de Energia Elétrica, sendo necessário realizar uma compensação de R$ 718 milhões aos afetados.

“Toda e qualquer organização precisa de energia para funcionar e manter sua operação. A interrupção pode impactar a linha de produção de uma fábrica; o sistema de comunicação de uma empresa, que fica sem telefone, e-mail ou chat; os escritórios, que ficam sem luz e sem internet para darem andamento aos trabalhos, enfim, é um grande prejuízo financeiro. Os geradores são utilizados como fonte de energia caso qualquer falha no fornecimento aconteça”, explicou Bruno Teixeira Moreira, especialista em grupos geradores e diretor comercial da franquia Energ Geradores.

Situações inesperadas como a queda de uma árvore, tempestades, enchentes, animais que entram em contato com fusíveis e manutenção da rede elétrica são alguns dos motivos que levam à interrupção do fornecimento, e caso a empresa não tenha uma fonte alternativa de abastecimento, acaba ficando refém da distribuidora.

Como funcionam os grupos geradores

De acordo com o especialista Bruno Moreira, no caso dos geradores a diesel, por exemplo, quando o equipamento detecta a queda de energia, o motor do aparelho dá partida automaticamente e aciona o alternador, peça responsável por converter a energia mecânica do motor de combustão interna em energia elétrica. Após alguns segundos, para estabilizar a velocidade do motor e a saída elétrica, a chave de transferência isola a instalação da rede elétrica e fornece energia do gerador para empresa ou o condomínio. “Quando a concessionária restaura a energia, a chave de transferência se desconecta do gerador e se conecta à concessionária. Normalmente o gerador restaura a energia em menos de trinta segundos após o início da interrupção, dependendo do modelo do gerador e das configurações do controlador”, disse Bruno.

Entre os principais benefícios dos geradores, estão:

1. Iluminação e segurança

As quedas de energia tornam a empresa mais vulnerável a ladrões, com um gerador é possível manter os sistemas de iluminação e segurança funcionando.

2. Dados eletrônicos

Se os computadores forem desligados acidentalmente, os dados armazenados poderão ser perdidos, especialmente quando programas complicados estiverem em execução. A perda de dados importantes resultará em dezenas e centenas de horas de trabalho adicional. Isso não apenas custa dinheiro e tempo extra, mas também afeta o funcionamento normal da empresa.

3. Produtividade

Os varejistas podem ter uma queda instantânea nas vendas se forem forçados a fechar durante uma interrupção, e restaurantes ou cozinhas comerciais podem perder seus produtos devido à deterioração dos alimentos, por exemplo, além da perda de clientes e receita, ao ter um backup de energia, é possível manter a companhia aberta durante uma falha de energia. 

4. Proteção de vidas

Em hospitais, clínicas e asilos, a queda de energia pode representar um perigo à saúde do paciente. Os geradores podem oferecer serviços além da manutenção de equipamentos vitais para salvar vidas, incluindo ventiladores e outras máquinas importantes. Em tempos de emergência, como grandes tempestades ou condições climáticas drásticas, as pessoas precisam de atendimento médico que não pode esperar pelo retorno da energia.

“As empresas não conseguem impedir que uma queda de energia aconteça, mas elas podem controlar como gerenciam e lidam com esse desafio. Estar preparado antecipadamente para situações como essa é uma estratégia para evitar prejuízos financeiros e outras consequências que podem acontecer”, finalizou o diretor da Energ Geradores.

Licença de uso do conteúdo.

O conteúdo do Portal ABRACD.org foi escrito sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.