Notícias Corporativas

Cinco dicas de planejamento para testar na Black Friday 2022

DINO
Escrito por DINO
Cinco dicas de planejamento para testar na Black Friday 2022
Junte-se a mais de 3.000 pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos sobre Data Science

O planejamento estratégico reúne um conjunto de ações integradas com o intuito de alcançar determinadas metas. Atingir ou superar os objetivos de crescimento, é o grande desafio de toda companhia, e algumas datas comemorativas podem promover essa tarefa, como a Black Friday, que neste ano será em 25 de novembro.

Segundo matéria da CNN Brasil em 2021 as vendas de e-commerce foram de R$ 4,18 bilhões em apenas dois dias de Black Friday, alta de 6% nas vendas digitais em relação a 2020.  As vendas nessa data têm aumentado consecutivamente, com especialistas estimando que os números cresçam na Black Friday de 2022.

As estimativas de recorde de vendas na Black Friday 2022 são altas The Global De acordo com o estudo Payments Report 2022, o e-commerce brasileiro terá um crescimento anual de 18% até 2025.

A especialista de Marketing e Brand Manager da Sendinblue, Laura Parra, compartilha cinco dicas de planejamento estratégico para aproveitar o melhor da Black Friday:

  1. Planejar a campanha: a Black Friday está confirmada para dia 25 de novembro. Antes dessa data, antecipe a comunicação dos produtos ou serviços. Essa época do ano exige um planejamento meticuloso de campanha. Os volumes de e-mail atingem o pico em novembro. Atenção especial deve ser dada ao tempo de envio. Embora os destinatários mostrem atividade constante, são inundados com newsletters de diversos remetentes.
  2. Pesquisar e analisar a concorrência com antecedência: nem sempre o melhor preço é o diferencial, O ticket médio e perfil do cliente são itens importantes para uma decisão segura. As condições e bonificações de compra também podem desempenhar esse papel, como, por exemplo, o desconto no frete, ou até mesmo frete grátis. Uma pesquisa da ABComm aponta que o preço do frete pode influenciar em até 90% a decisão de compra pela internet.
  3. Preparar a infraestrutura: além de cuidados com o estoque, contar com atendimento personalizado para melhor atender o consumidor é um ponto de atenção nesse período de alta demanda.
  4. Focar no engajamento e relacionamento com o cliente: utilizar ferramentas como e-mail marketing, SMS, chat personalizado e redes sociais. Apostar em conteúdo de qualidade, criativo e informativo. De acordo com dados da NielsenQ/Ebite, em 2021, o uso das redes sociais durante a Black Friday foi de 375,28%
  5. Escutar o cliente: depois do período de compras, buscar feedback do consumidor para entender pontos de aprendizado e melhorias, seja na plataforma, no atendimento ou até mesmo no produto. Formulários e e-mail marketing são boas opções para esse modelo de interação com cliente.

Licença de uso do conteúdo.

O conteúdo do Portal ABRACD.org foi escrito sob a licença Creative Commons BY-SA 3.0. Você pode usar e compartilhar este conteúdo desde que credite o autor e veículo original do mesmo.